Virtz Barueri recebe Programa de Segurança Alimentar para Idosos

Barueri recebe Programa de Segurança Alimentar para Idosos

O PROSAI tem como objetivo de oferecer condições mínimas para que essa população tenha mais qualidade vida e alimentação apropriada

  • Virtz | Do R7

PROSAI iniciou ações com entrega de doações ao Grupo Vida, de Barueri

PROSAI iniciou ações com entrega de doações ao Grupo Vida, de Barueri

Divulgação/PROSAI

O Instituto Pharos se engajou ao Programa de Segurança Alimentar para Idosos (PROSAI), unindo esforços a voluntários de empresas privadas para ajudar a amenizar as condições precárias dos idosos brasileiros. O início das ações do PROSAI foi em setembro, com a entrega de doações ao Grupo Vida, de Barueri (SP). Esse grupo atua na defesa dos direitos e do exercício da cidadania do idoso.

Desde o início das ações, o projeto já entregou mais de uma tonelada de produtos, entre alimentos, produtos de higiene e materiais necessários para a qualidade de vida dos mais de 60 idosos do Grupo Vida Brasil.

O objetivo do PROSAI para os próximos três anos é expandir sua atuação, alcançando cerca de 10 mil idosos, com distribuições semanais e mensais para ONGs, Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPI), casas de repouso e lares em Barueri, São Paulo e São Bernardo do Campo.

Suporte e segurança alimentar

"Identificamos que a rede de suporte social a essa população é praticamente inexistente. Com a pandemia e a consequente perspectiva de que esse processo de deterioração se acelere, percebemos que poderíamos contribuir para a melhora desse cenário oferecendo nossa capacidade de planejamento e busca de soluções viáveis para a questão dos idosos em vulnerabilidade", explica Letícia Hirosue, voluntária do projeto pelo Instituto Pharos.

O PROSAI trabalha com o conceito de segurança alimentar, fornecendo alimentos de qualidade, frescos e saudáveis, para que os idosos participantes do projeto possam ter acesso a uma dieta balanceada e permanente. Alimentos e outros produtos de assistência gerontológica são oferecidos na forma de cestas básicas.

"Temos o envolvimento de profissionais especializados nas áreas de logística, comunicação, marketing, jurídica e financeira, o que nos permite pensar fora da caixa. Além, é claro, de contar com a parceria de pessoas com envolvimento de longa data em ONGs e entidades sem fins lucrativos", diz Caroline Millié Figueiredo, coordenadora do PROSAI.

Últimas