Virtz Casa de repouso adota filhote de cachorro para interagir com idosos

Casa de repouso adota filhote de cachorro para interagir com idosos

Gracie, uma golden retriever, está levando carinho e amor para residentes de asilo que não podem receber visitas

  • Virtz | Do R7

Gracie chegou para poder amenizar a solidão dos idosos que não podem receber visitas

Gracie chegou para poder amenizar a solidão dos idosos que não podem receber visitas

Reprodução/Facebook The Evangelical Lutheran Good Samaritan Society

No começo de março, os residentes de um lar de idosos na Escócia receberam um companheiro diferente para lhes fazer companhia. Trata-se de Gracie, uma filhote de cachorro, de 3 meses de idade, da raça golden retriever. Ela foi adotada pela casa para fazer companhia aos moradores do local, já que as visitas de amigos e familiares estão proibidas por conta do novo coronavírus.

“Nós notamos muitas mudanças aqui desde que Gracie chegou, muitos sorrisos e abraços. Ela está dando aos idosos um alento neste momento difícil", disse Pam Stewart, gerente da instituição, para um jornal local.

Gracie interage com cerca de 30 residentes e está sempre acompanhada por um funcionário. As visitas familiares estão prestes a voltar naquele país europeu, porém, enquanto isso, a cachorrinha traz um pouco de paz e diversão para o ambiente.

Quando chega a noite, Gracie acompanha Pam até sua casa e dorme longe dos idosos, para não atrapalhar o descanso deles com seus latidos. Mas, de manhã, ela já acompanha sua tutora até o asilo.

"Gracie sempre fica animada pela manhã, ela criou uma conexão com os residentes, chega pulando e querendo fazer brincadeiras", contou a gerente.

Últimas