Coronavírus

Virtz Casal recebe quase R$ 6 mil por desembarcar em voo na Inglaterra

Casal recebe quase R$ 6 mil por desembarcar em voo na Inglaterra

Por conta de erro da companhia aérea, empresa reembolsou a dupla e forneceu acomodação em hotel e um assento no próximo avião disponível

Um casal deixou o voo e viajou no dia seguinte

Um casal deixou o voo e viajou no dia seguinte

Reprodução/Instagram EasyJet

Um voo que ia sair de Manchester, na Inglaterra, com destino à Lanzarote, uma ilha espanhola, teve o número de reservas maior do que o de assentos disponíveis. Mesmo que sobrassem 8 lugares vagos, a recomendação da Agência de Segurança da Aviação da União Europeia é de que tivessem 9 cadeiras sobrando para preservar a distância entre os passageiros, medida tomada por conta da pandemia.

Na tentativa de convencer um ou dois passageiros a perder voluntariamente o voo, os membros da tripulação ofereceram 450 libras em compensação, reembolso total, acomodação em hotel e um assento no próximo voo disponível. Um casal acabou aceitando e recebeu 900 libras (quase R$ 6 mil).

Um porta-voz da companhia aérea EasyJet disse: "De acordo com nossa política, procuramos voluntários que concordassem em não voar em troca de cerca de 450 libras cada um em compensação, voos alternativos com outra companhia aérea no dia seguinte, acomodação em hotel e um reembolso total. Gostaríamos de pedir sinceras desculpas pelo inconveniente causado."

De acordo com o DailyMail, o voo atrasou cerca de trinta minutos por conta do incidente no aeroporto de Manchester.

Últimas