Com menos poluição na quarentena, Índia vê os Himalaias de novo

É a primeira vez, em 30 anos, que a cadeia de montanhas asiática pôde ser avistada a partir do país, na região de Punjab

Morador da região do Punjab registrou os Himalaias, com as montanhas cobertas de neve

Morador da região do Punjab registrou os Himalaias, com as montanhas cobertas de neve

Reprodução/ Twitter/gull_1985

Pela primeira vez, em 30 anos, a cadeia montanhosa dos Himalaias tornou-se visível novamente a partir da Índia. A paisagem mudou depois que os níveis de poluição caíram muito naquele país após a população estar isolada socialmente, por conta do coronavírus, há 21 dias, segundo informações do jornal Daily Mail.

Os Himalaias estão localizados a mais de 200 quilômetros de distância do país. Mas a queda na poluição permitiu que as montanhas pudessem ser avistadas mesmo com essa distância, a partir do distrito de Jalandhar, na região de Punjab, no nordeste indiano.

Moradores locais afirmaram que, após semanas de quarentena, o ar também tornou-se mais limpo. Vários indianos postaram imagens em suas redes sociais das montanhas do Himalaia, cobertas por neve.

O Conselho Central de Poluição da Índia confirmou o que os internautas já tinham notado: que a quarentena decretada resultou em uma melhora significativa na qualidade do ar na Índia.