Virtz Criança de 10 anos andou 2800 km com seu pai para rever a avó

Criança de 10 anos andou 2800 km com seu pai para rever a avó

A dupla viajou da Itália até a Inglaterra para pode fazer a visita e abraçar a idosa; durante o caminho o menino se engajou em outra causa social

Pai e filho passaram por três países para visitar a avó do menino

Pai e filho passaram por três países para visitar a avó do menino

Reprodução/Instagram romeos_big_journey_home

Romeo Cox, um menino de 10 anos, decidiu que o que ele queria mais do que qualquer outra coisa era um abraço de sua avó, de 77 anos. O problema para o jovem é que não havia voos entre a Sicília, na Itália, e Londres, na Inglaterra, onde ele morava perto da sua avó. 

“Eu não via a vovó fazia um ano e meio, então, durante a pandemia, planejei em segredo ir visitá-la”, disse o garoto em uma entrevista ao The Times, de Londres.

Após o menino pedir mais de 50 vezes e os pais negarem, Romeu conseguiu finalmente convencer a família a fazer essa longa jornada. Ele até desenhou um mapa com o caminho que precisava percorrer com seu pai, Phil Cox, de 46 anos, que jornalista e cineasta.

Romeo e Phil partiram em sua jornada em 20 de junho. A dupla viajou pela Itália, Suíça e França. No decorrer de suas viagens, pai e filho passaram diversas noites acampando. Durante o percurso, eles também foram forçados a se defender de cães selvagens, se perderam uma ou duas vezes, ficaram com os pés doloridos, fizeram amizade com um burro selvagem e levaram algum tempo como voluntários em um campo de refugiados que encontraram no caminho.

Além de visitar a sua avó, o menino decidiu então fazer a caminhada para arrecadar dinheiro para ajudar crianças refugiadas. A dupla chegou ao destino 93 dias depois e, com a meta do menino quase completa, ele queria angariar 15 mil euros (cerca de 100 mil reais). Até o momento, conseguiu 14 mil euros.

Na casa de sua avó, Romeo foi em direção da idosa e conseguiu dar o abraço que tanto desejava. No início, foi difícil para sua avó compreender tudo o que neto havia realizado no caminho para o encontro, mas o abraço compensou o esforço.

Últimas