Virtz Criança transforma carrinho de cachorro-quente em restaurante

Criança transforma carrinho de cachorro-quente em restaurante

Aos 14 anos, menino conseguiu realizar seu sonho e montar seu próprio estabelecimento, que já foi premiado pelo sanduíche vegano

  • Virtz | Do R7

Garoto realizou seu sonho de conseguir um emprego e empreender

Garoto realizou seu sonho de conseguir um emprego e empreender

Reprodução/Instagram masonssuperdogs

Mason Wright, um garoto de 14 anos, contou com a ajuda de sua família para transformar um carrinho de cachorro-quente em um restaurante especializado nesse sanduíche, na Geórgia, Estados Unidos.

O garoto queria arrumar um emprego aos 11 anos de idade, mas contou para o ABC NEWS que, por ser muito novo, ninguém o empregaria. Por conta disso, seus pais resolveram achar uma solução e comprar um carrinho para vender cachorro-quente.

Mason se apaixonou pelo trabalho e dizia que um dia teria sua própria lanchonete. No começo deste ano, ele conseguiu, com a ajuda de sua família, montar o próprio negócio, que batizou de Super Dogs do Mason.

Os hot-dogs do estabelecimento estão fazendo sucesso, inclusive o vegano, feito à base de plantas, que foi eleito um dos melhores nesse quesito do país.

Depois de meses fechado por conta do novo coronavírus, Mason conseguiu obter suas próprias licenças comerciais para abrir seu restaurante. Desde a inauguração, em 17 de outubro, o garoto disse que vendeu mais de 500 cachorros-quentes quase todos os dias e o sanduíche esgotou em várias ocasiões.

O pequeno empreendedor disse que espera inspirar outras crianças a seguirem seus sonhos.

Últimas