Virtz Entidade doa cestas básicas e famílias podem escolher alimentos

Entidade doa cestas básicas e famílias podem escolher alimentos

Casa do Povo tem oferecido diversos tipos de ajuda a pessoas vulneráveis no Bom Retiro; cestas incluem itens básicos, verduras e legumes

  • Virtz | Do R7

Famílias podem escolher a quantidade e o tipo de alimento que preferem

Famílias podem escolher a quantidade e o tipo de alimento que preferem

Casa do Povo/Divulgação

O centro cultural Casa do Povo, no bairro do Bom Retiro, no centro da capital paulista, segue com ações solidárias para ajudar os moradores da região. Mesmo durante a pandemia de covid-19, a instituição não fechou totalmente as operações, mas transformou-as para que pudesse seguir atendendo famílias em situação de vulnerabilidade social.

Dentre as ações, está a entrega mensal de uma cesta de alimentos. O diferencial é que cada família pode escolher a quantidade e os produtos de que mais precisam, como arroz, feijão, farinha, óleo, verduras, legumes e frutas. Além disso, toda cesta acompanha livros de literatura adulta e infantil.

Neste mês de dezembro, a distribuição das cestas abertas está prevista para os dias 11 e 12, entre 12h e 17h.

Ações solidárias

Durante a pandemia, a entidade pensou em diversas ações para atender a comunidade do entorno da Casa, criando uma cooperativa de costureiras e oferecendo formação contínua para a produção autônoma de sabão.

O diretor executivo da Casa do Povo, Benjamin Seroussi, avalia que as condições precárias de moradia do Bom Retiro, com seus cortiços, pensões e alta concentração de pessoas vivendo em situação de rua, tornaram o bairro um dos mais atingidos pela pandemia em São Paulo. “Em um território tão vulnerável, manter a Casa do Povo de portas fechadas nos pareceu descabido”, explica.

Hoje, cerca de 250 famílias (uma média de 1.200 pessoas) se cadastraram na instituição afirmando que precisavam de alimentos. Daí surgiu a ideia de distribuir as cestas básicas, porém de maneira alternativa, com as pessoas podendo escolher o que mais precisam. Mais informações sobre as ações e formas de ajudar podem ser acessadas no site da Casa do Povo.

Últimas