Floricultura registra mensagens de afeto em cartões: 'Saudades'

Estabelecimento de Nova York notou uma mudança dos recados enviados durante a pandemia do coronavírus 

Bilhetes cheios de carinho durante a pandemia

Bilhetes cheios de carinho durante a pandemia

Arquivo Pessoal/Valentine Leung

Um floricultura de Nova York, nos Estados Unidos, percebeu uma mudança nas mensagens enviadas com as flores durante a pandemia de covid-19. Os recados que antes tinham como foco as datas comemorativas, como Dia das Mães, Dia dos Namorados e aniversários, agora trazem declarações de "saudades" ou de apoio emocional.

"As pessoas sentem falta dos amigos e das experiências que tiveram", conta Michael Sclafani, proprietário do estabelecimento, em entrevista à ABC News.

O comércio na região do Brooklyn foi fechado em março, após os decretos de isolamento social. Nenhum cliente podia entrar na loja e os pedidos eram retirados na calçada.

'É sexta-feira :) E eu estou pensando em vocês'

'É sexta-feira :) E eu estou pensando em vocês'

Arquivo Pessoal/Valentine Leung

Foi durante as entregas que o empresário passou a reparar nas mensagens de afeto. "Quando você recebe 50 pedidos por dia, não presta atenção em todos eles. Mas, quando você começa a ler individualmente, há muita emoção lá", lembra.

As flores foram fotografadas antes de chegar ao destino. "Eu sei que os tempos têm sido difíceis ultimamente, mas eu te amo muito! Se pudermos resistir a esta tempestade, podemos resistir a qualquer coisa", dizia um dos cartões.