Fundação para cegos distribui cestas de alimentos e kits de higiene

Fundação Dorina Nowill, focada em deficientes visuais, está ajudando pessoas do grupo de risco para o coronavírus e em condições de vulnerabilidade

Há mais de 70 anos, Fundação Dorina Nowill para Cegos trabalha para pessoas com deficiências visuais sejam incluídos em diferentes cenários sociais

Há mais de 70 anos, Fundação Dorina Nowill para Cegos trabalha para pessoas com deficiências visuais sejam incluídos em diferentes cenários sociais

Reprodução/ Facebook Fundação Dorina Nowill

A Fundação Dorina Nowill para Cegos, conhecida por seus serviços gratuitos e especializados de habilitação e reabilitação a pessoas com deficiência visual, tem atuado no combate à pandemia de covid-19.

A instituição tem mobilizado empresas e sociedade para auxiliar pessoas com deficiência visual também durante esse período de isolamento social imposto pela pandemia, em particular no que diz respeito a alimentação e cuidados com a higiene.

"Adaptamos nossos serviços para manter os atendimentos via internet ou telefone. Já fomos impactados pela queda de recursos. Mas, diante desse momento sem precedentes, impossível não nos desdobrarmos para tentar garantir o mínimo às pessoas assistidas por nós", diz Graça Oliveira, gerente administrativa da Fundação Dorina Nowill para Cegos.

A Fundação tem atuado junto a pessoas do grupo de risco do novo coronavírus e que, em sua maioria, vive em condições de vulnerabilidade social. Para auxiliar nesse momento difícil, a entidade tem distribuído cestas de alimentos e kits de higiene.

As doações arrecadadas foram recebidas de pessoas físicas e, também, de parceiros como Arthur Caliman, Colégio Dante Alighieri, Faber Castell, Movida, Seara e Telecine. Nesta semana, a Fundação prevê a entrega dos alimentos e produtos de higiene a 600 famílias da região metropolitana de São Paulo.

"Esse é o legado de Dona Dorina, a Dama da Inclusão, que mobilizava a sociedade em torno da causa da sua vida. A causa das pessoas com deficiência visual", acrescenta Graça, referindo-se à criadora da entidade. 

A Fundação Dorina segue em busca de apoio para conseguir manter e ampliar a distribuição das cestas de alimentos e dos kits de higiene. Entre no site oficial da entidade e veja como ajudar.

Apoio a deficientes visuais

A Fundação Dorina Nowill para Cegos trabalha há mais de 70 anos para que crianças, jovens, adultos e idosos com deficiências visuais e baixa visão sejam incluídos em diferentes cenários sociais.

Dentre os serviços gratuitos oferecidos pela instituição há atividades especializadas em habilitação e reabilitação, como orientação e mobilidade e clínica de visão subnormal. Também inclui programas de inclusão educacional e profissional.

A entidade é referência, ainda, na produção e distribuição de materiais nos formatos acessíveis braille (linguagem para cegos), áudio, impressão em fonte ampliada e digital acessível, incluindo o envio gratuito de livros para milhares de escolas, bibliotecas e organizações de todo o Brasil.