Jogador da NBA doa salários até fim do ano para causas de justiça social

O valor distribuído será de mais de US$ 5 milhões, divididos entre algumas ONGs, pequenos empresários negros e universidades dos Estados Unidos

Jogador fará doações até o final do ano

Jogador fará doações até o final do ano

Reprodução/Instagram Jrue_holiday11

Jrue Holiday, jogador do New Orleans Pelicans, time de basquete dos Estados Unidos, anunciou que vai doar seus salários no restante de 2020 para ajudar a lançar um fundo de justiça social.

De acordo com o post no Instagram do atleta, o fundo ajudará ONGs e instituições de ensino superior liderados por negros em Nova Orleans, Los Angeles e Indianápolis, onde nasceram e viveram parte de sua vida Jrue Holiday e sua esposa, Lauren Holiday. As doações também serão distribuídas para empresas de propriedade de negros em 10 cidades que foram impactadas pela covid-19.

"Hoje fiz a promessa de doar o restante do meu salário na NBA em 2020 como um passo progressivo em direção ao combate ao racismo sistêmico e à desigualdade social e econômica que continua a impedir as comunidades negras de mobilidade ascendente", escreveu o jogador na rede social, junto com o logotipo "JL", de Jrue e Lauren.

O site do fundo afirma que serão oferecidos mais de US$ 5 milhões, sendo US$ 1,5 milhão dedicado a ONGs em Nova Orleans, US$ 1 milhão a organizações sem fins lucrativos em Indianápolis e US$ 1,5 milhão em Los Angeles e Compton, Califórnia. Outro US$ 1 milhão será concedido aos pequenos empresários de propriedade pertencentes a negros e US$ 500 mil irão para faculdades e universidades "historicamente negras."