Virtz Leilão beneficente reverterá lucro para mulheres vulneráveis

Leilão beneficente reverterá lucro para mulheres vulneráveis

Promovido pelo Arte Na Fonte, evento fará doações para o Projeto Ninar, que assiste mulheres durante a gestação

Heloísa Crocco e Claudia Teruz são dois grandes nomes com obras disponíveis no leilão

Heloísa Crocco e Claudia Teruz são dois grandes nomes com obras disponíveis no leilão

Divulgação

Nesta sexta-feira (16), inicia-se a edição “Vênus” do Arte na Fonte, uma plataforma de democratização do acesso à arte, que atua por meio de leilões sem lance inicial (ou seja, começando com valores a partir de R$ 1) e com parte da renda revertida para projetos sociais.

O evento reúne 24 obras exclusivas de 24 mulheres artistas. As obras serão leiloadas no perfil da plataforma no Instagram. Parte do lucro será doado ao Projeto Ninar, responsável por assistir mães em situação de vulnerabilidade social durante a gestação e nos primeiros meses de maternidade.

As obras de “Vênus” serão publicadas no Instagram e os lances poderão ser feitos nos comentários da rede social. Cada obra fica três dias com lances abertos, e o leilão é encerrado com uma live no perfil.

“É um presente dos artistas, para que todos possam interagir em prol da arte e da causa das mães que recebem as doações do Projeto Ninar”, afirma Marcio Regaleira, artista e fundador do Arte na Fonte.

Entre as obras, pinturas, ilustrações e esculturas de artistas do Rio Grande do Sul, São Paulo, Rio de Janeiro e Florianópolis. Com curadoria de Camila Seixas, estão confirmados nomes consagrados como a artista Claudia Teruz e Heloísa Crocco, além da atriz Louise D’Tuani, que há três anos se dedica à pintura e participa agora do Arte na Fonte pela primeira vez.

Quanto às doações, serão as próprias artistas que irão decidir o valor a ser repassado. “Acreditamos que é importante todos serem beneficiados, ainda mais nesse momento difícil que vivemos. O que propomos é uma compra consciente, uma forma de acessar o mercado da arte de maneira amorosa e genuína. No Arte na Fonte, a ideia é que todos saiam ganhando”, pontua Rafael Meggetto, também artista e fundador da plataforma.

Últimas