Menina vende pulseiras caseiras e arrecada US$ 42 mil em Minneapolis

Kamryn Johnson, filha do ex-jogador da NFL, Ron Johnson, montou uma tenda no jardim de casa para ajudar pessoas carentes da comunidade

A menina vende os produtos para vizinhos que passam pela rua

A menina vende os produtos para vizinhos que passam pela rua

Reprodução/Twitter Ron Johnson

Kamryn Johnson, 9 anos, teve uma ideia para ajudar comunidades carentes de Minneapolis, nos Estados Unidos. A menina, que é filha do ex-jogador da NFL, Ron Johnson, reuniu cinco amigas do bairro e começou a produzir pulseiras de barbante colorido.

As meninas, entre 5 e 12 anos, montaram uma tenda no jardim de Kamryn e já arrecadaram mais de US$ 42 mil com as vendas, aproximadamente R$ 200 mil.
A ideia é auxiliar pessoas prejudicadas pela pandemia do novo coronavírus e também pequenas empresas saqueadas durante protestos contra a morte de George Floyd.

"Toda vez que um cliente vem, explicamos o motivo de estarmos fazendo isso", disse, em entrevista à ABC News. A mãe, Shani Johnson, diz que a loja improvisada também é uma oportunidade para debater temas importantes com outras pessoas. “Não estamos só conhecendo alguns destes vizinhos, estamos nos aprofundando nas questões que estão acontecendo neste momento no mundo".

As pulseiras coloridas são feitas em casa e o dinheiro ajuda famílias necessitadas

As pulseiras coloridas são feitas em casa e o dinheiro ajuda famílias necessitadas

Reprodução / Twitter Ron Johnson

As pequenas empreendedoras informam que tomaram todas as precauções contra a covid-19 antes de começar as vendas. O dinheiro arrecadado já começa a ser distribuído na comunidade. "Estamos super orgulhosos dela. Isso se transformou em uma idéia maior do que poderíamos imaginar”, finaliza Shani.