Virtz Negras que pilotam avião criam ONG de apoio a representatividade

Negras que pilotam avião criam ONG de apoio a representatividade

A ideia da organização criada é incentivar mulheres jovens com orientação, bolsas de estudo e apoio emocional para que realizem seus sonhos

  • Virtz | Do R7

Irmãs dos Céus querem ajudar jovens negras a entrar nesse ramo

Irmãs dos Céus querem ajudar jovens negras a entrar nesse ramo

sisters-of-the-skies

Nos Estados Unidos, 14 mulheres negras que trabalham como piloto de avião criaram uma organização chamada "Irmãs dos Céus" para incentivar outras mulheres a enfrentar a discriminação para se também se tornarem comandantes de aeronaves.

A Irmãs dos Céus é uma Organização Nacional de Aviação 501, que tem os objetivos de bater o preconceito racial e feminino e dar suporte para novas mulheres que possuem essa vontade, por meio de bolsa de estudos, orientação e apoio emocional.

As "irmãs" oferecem orientação a estudantes para universitárias que tiveram pouco ou nenhum contato com carreiras de piloto profissional e demonstra a essas jovens mulheres negras que carreiras de piloto profissional são alcançáveis. Eles também têm programas de extensão voltados para alunos do ensino fundamental.

A organização foi fundado pela Tenente Christine Angel Hughes em 2015. A tenente é atualmente Pilota da Guarda Costeira dos Estados Unidos. Ela disse para o um jornal local que sabia que queria voar desde a aula de ciências no 7º ano. Christine sempre acreditou que a orientação é de extrema importância. 

Últimas