Virtz Obra sobre pesquisador vítima de síndrome é finalista do Jabuti

Obra sobre pesquisador vítima de síndrome é finalista do Jabuti

Livro de Alexandre Rathsam é um dos dez finalistas na categoria infantil da 62ª edição do Prêmio Jabuti

  • Virtz | Do R7

Obra brasileira entre os trabalhos finalistas do Prêmio Jabuti

Obra brasileira entre os trabalhos finalistas do Prêmio Jabuti

Pixabay

A obra "O fabuloso professor Fritz e a menina das pétalas amarelas", de Alexandre Rathsam, está entre os dez trabalhos finalistas na categoria infantil da 62ª edição do Prêmio Jabuti. O livro, da editora SM Educação, conta a história do professor doutor Fritz Rasbundel, um pesquisador importantíssimo. Seu único problema é a palavra solta, síndrome que afeta sua comunicação a tal ponto que ninguém entende o que ele fala.

Devido a pandemia da covid-19, a cerimônia será realizada de maneira virtual, transmitida ao vivo nas redes sociais da CBL (Câmara Brasileira do Livro), dia 26 de novembro.

Nesta edição, o Prêmio Jabuti recebeu 2.599 inscrições, número 20% maior do que em 2019. Ao todo são 200 finalistas, 117 selos editoriais diferentes e dez autores independentes.

Últimas