Benefícios da adoção: entenda por que ter um gatinho é gratificante

Felinos são companheiros incríveis e oferecem inúmeros benefícios aos tutores

Fofos e irresistíveis, os bichanos estão em alta na lista de adoções

Fofos e irresistíveis, os bichanos estão em alta na lista de adoções

Pixabay

O número de adoção de gatos no Brasil está crescendo desde 2013. A preferência por felinos pode ser explicada pela transformação dos núcleos familiares, já que nos últimos anos houve um aumento no número de pessoas que moram sozinhas, e de casais que optam por não ter filhos.

Na maioria dos casos, tratam-se de pessoas que passam longos períodos fora de casa por causa do trabalho, vivem em ambientes pequenos, cada vez mais em apartamentos. Com limitação de tempo e espaço, optam pela adoção de felinos, que são animais que costumam se adaptar com mais facilidade a esse estilo de vida.

Segundo Nelo Marracini, vice-presidente do Instituto Pet Brasil (IPB), outro motivo que tem influenciado a preferência pela adoção de gatos é a desmitificação de alguns mitos relacionados a esses animais. “Alguns dogmas foram acabando, como o de que o gato traz doença.”, explica. Outra crença desmentida é a de que o gato é arisco e pouco amigável. “Os veterinários e criadores foram mostrando que é um animal amigo, doméstico”, afirma Nelo.

Essa dinâmica leva à procura de um bicho de estimação que seja independente, que exija menos espaço e que tenha uma rotina mais simples no que se refere aos cuidados com higiene, alimentação e passeios. Além disso, existem outros benefícios em ter um gato dentro de casa, como Virtz Pets mostra a seguir.

Descubra qual o melhor alimento para o seu gato

Conheça o guia de cuidados do filhote gato

Parceria com o Instituto PremieRpet®

PremieRpet®. Existimos para tornar a relação das pessoas com os seus animais de estimação a mais próxima, prazerosa e longa possível.