Virtz Rapaz autista faz carta pedindo emprego e viraliza nas redes

Rapaz autista faz carta pedindo emprego e viraliza nas redes

Ryan Lowry atingiu milhares de pessoas com sua apresentação; empresas como Microsoft e Dell entraram em contato com ele

O rapaz está tentando conseguir seu primeiro emprego e deixou recado nas redes sociais

O rapaz está tentando conseguir seu primeiro emprego e deixou recado nas redes sociais

Reprodução/Facebook Ryan Lowry

Ryan Lowry, de 20 anos, estava procurando emprego e escreveu uma carta esperando que alguém lhe desse uma oportunidade. O rapaz, de Virgínia, nos Estados Unidos, é autista e procura por uma vaga em TI.

"Eu tenho senso de humor único, sou talentoso em matemática, muito bom com tecnologia e aprendo muito rápido. Estou interessado em um emprego em animação ou em TI. Sei que alguém como você terá que se arriscar comigo. Não aprendo como as pessoas comuns", diz o recado deixado por Ryan no Linkedin, rede social voltada para perfis de profissionais.

Ryan foi diagnosticado com autismo aos 18 meses de idade. Seus pais, Tracy e Rob Lowry, disseram para o Good Morning America que o engajamento na postagem atingiu milhões de pessoas.

Engajamento e disposição

Após deixar recados mostrando entusiasmo com o seu primeiro emprego, o rapaz afirmou: "Prometo que se você me contratar e me ensinar, ficará feliz por ter feito isso. Vou aparecer no trabalho todos os dias, fazer o que você pedir e me dedicar muito", disse ele.

Depois do recado dado, algumas empresas grandes, como Microsoft e Dell, entraram em contato com ele, embora ainda não tenham feito propostas concretas.

O pai de Ryan disse que famílias que têm entes queridos na mesma situação reagiram positivamente à carta de apresentação do rapaz e compartilharam suas próprias histórias de empregos.

Últimas